Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ainda hoje não entendo por que razão as agências de viagens expõem orgulhosamente na montra uma representação em plástico de um avião, como se aquele meio de transporte fosse inédito e exclusivo daquele estabelecimento. Infelizmente as probabilidades de um cliente viajar no modelo específico ali representado são ínfimas, o que tira ainda mais sentido à presença do objecto. A única explicação plausível seria o cliente desconhecer por completo a existência de aeronaves no mundo contemporâneo:

- Aqui está a sua passagem. O senhor irá viajar naquela estrutura aerodinâmica com duas asas laterais a que chamamos de avião.
- Uau, fantástico! Pensei que ia de barco para a América.

Autoria e outros dados (tags, etc)

escarnecido às 22:00





Pesquisar

  Pesquisar no Blog